Maior centro mundial de robôs colaborativos abre na Dinamarca

10/02/2020
Empresas dinamarquesas Mobile Industrial Robots e Universal Robots investem 36 milhões de dólares em desenvolvimento e produção de robôs.
foto

O ministro da Indústria e Comércio dinamarquês, Simon Kollerup, revelou o projeto da nova 'casa' da Mobile Industrial Robots (MiR) e da Universal Robots (UR), as duas empresas referência da próspera indústria robótica dinamarquesa. As empresas vão partilhar 32.000 metros quadrados num novo 'hub de robótica colaborativa' em Odense, o coração do cluster dinamarquês de robótica que se encontra em rápida expansão.

Com o apoio financeiro da sua empresa-mãe americana, Teradyne, a Mobile Industrial Robots (MiR) e a Universal Robots (UR) adquiriram um terreno de 50.000 metros quadrados em Odense, onde serão investidos 36 milhões de dólares na construção de um importante centro de desenvolvimento de cobots. Os robôs colaborativos - ou cobots - são atualmente o segmento de automação industrial de mais rápido crescimento.

O novo 'cobot hub' reforça a missão da Teradyne de fortalecer ainda mais as importantes ligações que tanto a MiR como a UR estabeleceram em todo o mundo.

“A MiR e a UR lideram a revolução dos robôs colaborativos que está a levar as soluções de automação a empresas de todas as dimensões. A Teradyne continua a investir fortemente no desenvolvimento de novos produtos, soluções e canais de vendas e estas novas instalações são uma parte fundamental da nossa estratégia de crescimento”, diz Mark Jagiela, Presidente e CEO da Teradyne.

“Encontramos algo muito especial na Dinamarca. O design industrial inovador dos dinamarqueses, aliado a um sentido prático de negócio, criou uma combinação perfeita para esta indústria emergente. A capacidade de fazer os robôs trabalharem em colaboração com os humanos de uma forma simples é algo que não encontramos, até agora, em nenhum outro lugar do mundo e estamos muito entusiasmados com a expansão das nossas capacidades em Odense”, salientou.

Esta não é a primeira vez que a dona da MiR e da UR investe no desenvolvimento de robôs na Dinamarca. Até à data, a Teradyne investiu mais de quinhentos milhões de dólares nas duas jovens empresas que continuam a crescer rapidamente.

O terreno agora adquirido está localizado na zona industrial de Odense, perto da atual sede da Universal Robots, que também fará parte do novo centro de operações.

A indústria de robótica dinamarquesa está em plena expansão. A análise anual de 2019 da associação profissional Odense Robotics mostra que as empresas de robótica dinamarquesas empregam atualmente 8.500 pessoas, das quais 3.900 em Odense, a terceira maior cidade da Dinamarca

As duas empresas continuarão como entidades separadas com o objetivo de criar um cenário atrativo capaz de captar novos colaboradores para permitir o crescimento contínuo esperado pelas duas empresas nos próximos anos.

“A Dinamarca lidera destacadamente o mercado mundial de cobots. Investir de forma ambiciosa na construção do maior hub mundial de cobots em Odense faz todo o sentido”, diz Thomas Visti, CEO da Mobile Industrial Robots.

“Oferecer um ambiente forte e profissional com instalações magníficas permite-nos atrair talentos de todo o mundo. A MiR contratou 100 novos profissionais no ano passado, e a UR adicionou 280 novos colaboradores nos últimos dois anos. Hoje, as duas empresas têm 160 e 450 empregados, respetivamente, sediados na Dinamarca. A UR emprega quase 700 pessoas em todo o mundo, enquanto a MiR conta com um total de cerca de 220 colaboradores a nível global”.

Jürgen von Hollen, Presidente da Universal Robots, vê enorme potencial no mercado de cobots: “este é um mercado que deve crescer para um valor total de quase 12 mil milhões de dólares em 2030, segundo a ABI Research. A procura de cobots dinamarqueses indica que já estamos a crescer fora dos nossos escritórios actuais em Odense, tanto na UR como na MiR”, diz o presidente da UR. “Odense tem um forte ecossistema de talentos e estamos satisfeitos por termos a oportunidade de investir a longo prazo no ambiente robótico único que temos vindo a construir aqui nos últimos 10 anos”.

Cluster robótico dinamarquês em ascensão

A indústria de robótica dinamarquesa está em plena expansão. A análise anual de 2019 da associação profissional Odense Robotics mostra que as empresas de robótica dinamarquesas empregam atualmente 8.500 pessoas, das quais 3.900 em Odense, a terceira maior cidade da Dinamarca.

De acordo com a empresa dinamarquesa de análise Damvad, se o setor acompanhar as previsões de crescimento, a indústria robótica dinamarquesa empregará 25.000 trabalhadores em 2025.

Mas não é só o número de empregos que está a crescer. A receita total das empresas dinamarquesas de robótica aumentou 18% em 2018, atingindo 995 milhões de dólares, com as exportações a aumentarem 26%. Números particularmente significativos tendo em conta que há apenas 15 anos atrás a Dinamarca não tinha indústria de robótica.
Global Industrie 2019InterPlast3D Additive Expo / i4.0expo / Subccontrataçao 19 - 21 de março 2020 Exposalão Batalha20 Years Jaba traduçao técnica especializada 4.0

interplast.pt

InterPLAST - informação para a indústria de plásticos portuguesa

Estatuto Editorial