Informação profissional para a indústria de plásticos portuguesa

Classificação de plásticos: desafios, tendências e soluções

Redação Induglobal01/03/2022

Cumprir as metas de reciclagem efetiva dos vários tipos de plásticos em circulação implica um rigoroso trabalho de seleção nas estações de triagem. Com mais de 50 anos de experiência no mercado, a Tomra é líder em soluções de classificação baseadas em sensores para todos os tipos de aplicações. Entre eles, a reciclagem de plásticos, que está em amplo desenvolvimento diante das novas exigências ambientais que colocaram este material sob o foco da opinião pública.

Tendências e novos desafios no mercado da reciclagem de plásticos

Prevê-se que, até 2030, 50% dos plásticos em todo o mundo possam ser reutilizados ou reciclados. Isto representa um aumento de mais de quatro vezes do que é reciclado atualmente. Além disso, contrariando os preconceitos comuns sobre a gestão de resíduos, considerada um fardo de custos para municípios e contribuintes, encontramos muitos exemplos em que a reciclagem de plásticos é lucrativa.

Os números mais recentes indicam que mais de 359 milhões de toneladas de plástico foram produzidos em escala global em 2018. Ao mesmo tempo, o uso de poliolefinas continua a aumentar, e o seu mercado global continua a crescer e deve chegar perto de quatro mil milhões de dólares em 2027.

Recentemente, entraram em vigor três importantes alterações legislativas (Alterações à Convenção de Basileia sobre os resíduos de plástico, a proibição na China e o Pacto Ecológico Europeu) que, embora representem um verdadeiro desafio para os operadores, devem ser entendidas como novas oportunidades de negócio, onde a possibilidade de criação de novos empregos, uma transferência de tecnologia para os países, contribui positivamente para a economia local e melhora a qualidade de vida. As boas notícias? Que alcançá-lo é possível graças à tecnologia atual.

foto

Tipologia de clientes e soluções para a reciclagem de plásticos

Atualmente, há uma grande procura por poliolefinas recicladas, que incluem polietileno (PE) e polipropileno (PP) e diferentes variações de polímeros básicos, como polietileno de alta densidade (HDPE), polietileno de baixa densidade (PEBD) ou mesmo polietileno de baixa linha entre outros. Embora os níveis de reciclagem ainda sejam baixos, já que o mercado de reciclagem se tem concentrado em grande parte exclusivamente no PET, a crescente exigência por poliolefinas recicladas destaca a necessidade de reciclar estes materiais de forma eficiente. A fim de acelerar as taxas de reciclagem e a qualidade da produção, os operadores das fábricas de reciclagem estão a voltar-se cada vez mais para a triagem de flocos, com a Espanha e a Itália a destacarem-se como países líderes neste tipo de triagem na Europa.

Em relação ao tipo de clientes, a Tomra detetou duas tendências atuais do mercado e oferece soluções otimizadas e individualizadas para cada um deles, seja para aqueles dedicados à primeira etapa de classificação em formato de garrafa, para aqueles dedicados à purificação de incrustações e claro, para os que integram o processo completo na sua fábrica.

O primeiro tipo de clientes são os dedicados à fase inicial de classificação em formato de garrafa. O processo resume-se da seguinte forma: o material passa por um processo de triagem e desmarcação para remoção de impurezas, antes da classificação automática em várias etapas nas quais é classificado não apenas pelo polímero, separando multicamada de monocamada, mas também pelo seu formato de bandeja ou garrafa e pela sua cor. É neste ponto do processo que a máquina Autosort da Tomra faz a diferença, pois oferece ‘capacidade de triagem tripla’, fazendo o trabalho de várias máquinas ao mesmo tempo e permitindo maior rendimento e eficiência operacional.

foto
A máquina Autosort é indicada par a classificação de termoplásticos: PET, PP, PVC, PS, ABS, PEBD, LPEBD, PEAD, bandejas, garrafas vs. copolímero, qualidades de moldagem por injeção ou sopro, garrafa PET vs. PET-bandeja. Tecnologias incluídas: Flying Beam, Sharp Eye, Gain (Opcional) e Deep Laiser (opcional).
A máquina Autosort da Tomra oferece ‘capacidade de triagem tripla’, fazendo o trabalho de várias máquinas ao mesmo tempo e permitindo maior rendimento e eficiência operacional

Depois da classificação em bruto, o processo continua com a lavagem do material, quer seja a frio ou a quente - sendo este último a última tendência do mercado -, para depois ser triturado de forma a criar flocos, que ainda não são de ótima qualidade, dado que ainda podem conter elementos não desejados. Fase do processo em que entra em cena o segundo tipo de cliente, que procura soluções para a purificação de flocos, para a qual a máquina Autosort Flake é ideal, independentemente da granulometria, pois supera simultaneamente três desafios: detetar cor, metais e materiais. A sua combinação exclusiva de iluminação de primeiro plano e de fundo permite a separação de múltiplas variações em flocos, melhorando consideravelmente o desempenho de classificação.

foto
Equipada com a inovadora tecnologia Flying Beam, a Autosort Flake é especialmente indicada para a purificação de flocos de plástico.

Por seu lado, a máquina Innosort Flake, que pode funcionar sozinha ou em combinação com a Autosort Flake, foi especialmente projetada para limpeza e recuperação de incrustações de alta qualidade. Remove de forma confiável PVC e outros contaminantes, incrustações opacas de resíduos transparentes e classifica os flocos por cores. Além disso, remove grandes proporções de contaminantes graças à tecnologia Flying Beam, de alta resolução, capaz de reconhecer polímeros de 2 mm. Com capacidade de até 6 toneladas/hora distribuídas em 6 chutes, uma câmara de alta resolução e sensores NIR, a Innosort Flake reduz significativamente a perda de flocos de PET para menos de 2%, aumentando assim a produtividade.

foto
A Innosort Flake realiza a separação de flocos misturados por cores, purifica os flocos de PET, bem como quaisquer outros transparentes ou opacos.

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal - Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

interplast.pt

InterPLAST - Informação profissional para a indústria de plásticos portuguesa

Estatuto Editorial